Sul de Alysian III - NE

Nordeste de Alysian

unnamed.png

Compilo essas palavras de sabedoria para iluminar as mentes dos buscadores. Sei que é de grande apreço do Império de Jade os esquemas e sínteses atuais do continente de Alysian. Seguindo o intuito de meu sapientíssimo colega Cipriano de São Theobaldo serei o mais sintético e informativo possível.

Norte de Theros´Zol e a Floresta das Duas Luas

fantasy_landscape_by_atthespeedoffetus-d5y3er7.png

As formas agressivas, tétricas e frias da cadeia de Theros´Zol começam a ficar menos inóspitas e o verde vai tomando conta da maioria do cenário. As férteis terras dos Grandes Campos começam a interagir e mesmo a vencer a aridez dos gigantes picos, os tornando mais convidativos à vida. Diversas tribos de Humanos, Elfos, halflings, Orcs, Gnolls, Anões e gigantes se encontram em suas áreas. Mais ao norte, quando a planície dos Campos começa a subir para o Planalto de Kolighen, as áreas inundadas dão lugar a uma floresta ao pé das montanhas. Devido ás férteis terras, as árvores crescem e bastante. Lendas dizem que o antigo Círculo dos Druidas possui um ponto de encontro no coração das matas.

Nas partes mais altas da cadeia a floresta perde um pouco da força, chegando apenas a virar um amontoado de arbustivos, para continuar nos montes do lado Leste como uma nova floresta, mas de coníferas mais adaptadas aos ventos secos que chegam das montanhas.

A este conjunto é dado o nome de Floresta da Duas Luas em homenagem a Mirian e Phobos, a lua das tardes e a das noites. As criaturas noturnas predominam do lado Leste e as diurnas do lado Oeste.

Zultos

Zultos.jpg

Antigo posto de guarda de Highwind, hoje é mais um entreposto comercial e centro de especulação financeiro. Adota uma política neutra e ultimamente vem prosperando bastante com o serviço de caravanas e de transporte via Lago de Cristal. Alguns banqueiros possuem seus cofres na fortaleza, e os mais diversos tipos de mercenários frequentam a cidade, já que os donos desses cofres sempre estão em busca de meios pouco finos para aumentar sua riqueza.

Também abriga uma guilda de especialistas em itens mágicos licenciada por Bethel, o que favorece esse tipo de comércio na cidade.

Crystal River

Crystal_river.jpg

Rio que tem sua nascente no Lago Trininty e desce todo o planalto leste em direção à costa. tem esse nome pelas águas que refrata nas mais diversas cores devido às micropartículas do solo que estão na água, provavelmente oriundas dos campos de cristal que antes se estendiam por ali. Apesar das fortes corredeiras, é usado como transporte de mercadorias até a costa ou Zultos.

Emboteran & Crystal Fields*
Emboteram.png

A mais antiga cidade dessa porção do continente, sua data de criação é debate entre os historiadores. A lenda diz que O Senhor da Mente Serena caminhava por esse mundo e resolveu parar para meditar. Um grupo de Draconianos que passavam pela região e sentiram a imensa ressonância do poder pararam nas redondezas e começaram diversos estudos. Depois de uma década de meditação, alguns dizem que como forma de afastar os curiosos, Imensos cristais surgiram pela região que circundava Kozn. O tempo foi passando e a curiosidade aumentando. Artificers, magocratas e todo tipo de conjuradores das mais diversas regiões se concentraram no local e a cidade começou a ser erguida, de maneira não planejada. Os cristais eram especialmente usados pelos estudiosos da mente para criar ferramentas que aumentavam ainda mais seu poder.

Depois de quatro séculos, uma grande explosão sonora estilhaçou grande parte dos cristais e atordoou todos na região, alguns chegando inclusive a morrer. Kozn terminara sua meditação, e a mente ativa do Deus ressoava poder demais para que os mortais pudessem manter sua frequencia cerebral em ordem. Como um relâmpago multicolorido, o Senhor da Mente Serena deixou o local.

Durante a guerra, Emboteram resistiu bravamente às centenas de invasões que buscavam roubar o poder dos cristais ou procurar por artefatos deixados pela presença do Deus. Membros de todas as raças criaram a ordem que perdura até hoje, os Defensores Estoicos, e sua maior batalha foi contra um grupo de Aberrações que havia se unido com elementais e chegaram bem perto de tomar a cidade.

A cidade atualmente é independente e conta com diversos monastérios e centros de estudo. É o local favorito de visitação dos nativos do Império de Jade de Zephyr.

The Hollow Lady Ruins
>andré

Vila dos sem-esperança

Vilarejo da costa leste, no final do Planalto de Kolighen. Local bem pobre, onde alguns pescadores e caçadores sobrevivem miseravelmente. Grande parte de sua população é descendente dos antigos moradores da cidade de Lust´s Haven, hoje em ruínas. Aproximando-se da costa, onde o rio de Cristal deságua no mar oriental, existe até hoje o sanatório conhecido como Hope´s End, onde doentes sem esperança de cura eram deixados para o tratamento das Irmãs da Lua.

Bardos contam histórias sobre sombrios segredos guardados por gerações dentre os populares da vila. O ar é pesado e o desânimo parece geral.

Traveler´s rest

aegik_background_tile_7_by_tyleredlinart-d6nylhi.jpg

Conhecida como a cidade mais heterogênea dessa porção do continente, Traveler´s Rest começou como um entreposto comercial para as caravanas que saiam da Radiant Dragon e Vector para a porção norte de Alysian e os centros da capital de Highwind, Heaven´s Gate. Diversos mercadores ofereciam suprimentos para as viagens bem como alguns destes que faziam parte das caravanas aproveitavam para já comercializar algumas de suas mercadorias. Peregrinos que se dirigiam a Emboteram também começaram a encontrar na cidade um refúgio para suas viagens ou um ponto de descanso. Anões da Grande Fenda e nativos de Zephyr também foram se estabelecendo para oferecer seus serviços aos constantes viajantes.

Com a independência de Vector, a cidade aproveitou de seu poder econômico para se tornar livre e possuir sua própria guilda de mercadores, que com o poder da moeda, passou a mandar na cidade. Com dois reinos diferentes passando por suas muralhas, a arrecadação de impostos propiciou um rápido e esplendoroso crescimento pra a Guilda, atraindo mais viajantes e mercenários para a cidade, seja para missões que os lordes oferecem ou pra a guarda da cidade.

Economistas da Universidade de Minolos consideram que é a cidade mais próspera do continente atualmente, e cientistas políticos debatem sobre como esse poder econômico vai incomodar as duas imensas nações de Alysian

Sul de Alysian III - NE

Loucura e Magia - Obsessão Sophuz