O novo membro dos Escudos Negros

Era um dia como os outros, eu e Jaleff estávamos brincando de ser gigantes nos ombros do Fonz. Papai disse que estavamos indo em busca de uns caras maus que escravizavam e vendiam pessoas. Ele nunca gostou de mercadores de escravos e nem eu. Após mais algum tempo de caminhada, Fonz nos tirou dos ombros dele. Vimos que nos aproximávamos de algo que parecia ter sido um acampamento. Papai deu ordens ao grupo para revistar tudo e trazer qualquer coisa que pudesse indicar o paradeiro dos mercadores.

Eu e Jaleff saímos correndo para tentar encontrar algo, afinal eramos parte do grupo também.
Vimos uma carroça virada perto de uma casa, tinha um saco velho se mexendo debaixo da dela. Peguei um pedaço de pau que achei e Jaleff pegou uma pedra. Andamos na ponta dos pés para o quer que fosse não nos ouvisse. Aparentemente a coisa não nos ouviu, quando estávamos bem próximos Jaleff chegou por trás da coisa e rapidamente puxou o saco de cima dela.

Quando íamos atacar vimos que era um bebê. Foi uma grande surpresa. Era uma menininha tão linda, tinha cabelos tão claros que chegavam a ser branquinhos. Também tinha enormes olhos azuis. Era a criança mais linda que eu já tinha visto e olha que eu me achava muito bonita. Jaleff pegou ela no colo e fomos mostrar ao papai.

Fomos de volta até ele, não correndo desta vez, porque ela era pesada. Encontramos o papai e contamos onde havíamos a encontrado, ele mandou o Zé e o Fonz procurarem mais na casa e na carroça para ver se achavam algum sinal dos pais da menininha.

Não encontraram nada, papai então decidiu que ia ficar com ela. Ele a pegou no colo e ela sorriu. Ele disse que ela se chamaria Aminah, significa de confiança.

O novo membro dos Escudos Negros

Loucura e Magia - Obsessão marianaaasouza